Exportar este item: EndNote BibTex

Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://bibliotecatede.uninove.br/handle/tede/23
Tipo do documento: Dissertação
Título: Prevalência e associações de risco para asma e rinite Em escolares deguarulhos São Paulo
Título(s) alternativo(s): Prevalence and associations of risk for asthma and rhinitis in schoolchildren in guarulhos - São Paulo
Autor: Pendloski, Claudete de Jesus dos Santos
Primeiro orientador: Graudenz, Gustavo Silveira
Primeiro membro da banca: Aguiar, Alexandre de Oliveira
Segundo membro da banca: Ferreira, Diógenes Seraphim
Resumo: A asma brônquica e rinite alérgica são doenças crônicas que acometem principalmente as crianças e adolescentes, afetando a qualidade de vida e levando a internações hospitalares. A sua importância nos países industrializados vem crescendo a cada ano e novos estudos verificando os fatores de risco ambientais associados é uma necessidade constante de pesquisa. A qualidade do ambiente interior tem papel fundamental como fator associado ao aparecimento de novos casos ou piora clínica associada a condições interiores insalubres. Recentes estudos internacionais evidenciam que a umidade das residências causada por infiltração ou permanência de água oriunda de inundação, é fator de risco para surgimento de novos casos ou crises de asma e rinite, por esta razão observa-se a importância de programas sociais voltados para o atendimento presencial nas comunidades de risco. O objetivo deste trabalho foi analisar a prevalência de problemas respiratórios entre escolares da cidade de Guarulhos e correlacionar com os indicadores de umidade persistente nas residências de crianças dos 6 aos 7 anos e dos 13 aos 14 anos alocados em locais de risco para eventos de inundação. Para isto, realizou-se um estudo epidemiológico de delineamento transversal, com a utilização do questionário ISAAC com 580 escolares de escolas municipais estaduais para verificar a prevalência de sintomas sugestivos de asma e rinite. Para identificar os fatores ambientais associados com os casos de asma e rinite foi utilizado um questionário ambiental complementar. Os principais resultados apontam para uma forte associação positiva entre problemas respiratórios dos escolares e histórico clinico familiar de atopia. Os indicadores do fenômeno de umidade (infiltração na edificação, percepção da mancha de mofo e odor de mofo, respectivamente) demonstram associação com a intensidade dos sintomas da asma entre os escolares na faixa etária dos 06 a 07 anos e dos 13 a 14 anos. Constata-se, na mesma faixa etária, a associação entre o diagnostico clínico de rinite com tempo de escoamento dos episódios de inundação superiores a 12 horas. Conclui-se que a faixa etária dos 6 aos 7 anos foi a que mostrou maior sensibilidade a exposição aos indicadores de umidade dos ambientes interiores, apresentando associação destes indicadores com sintomas de asma e com o diagnóstico médico de rinite alérgica quando comparadas aos escolares de faixa etária superior. Isto sugere que a faixa etária dos 6 aos 7 anos é mais suscetível as condições de umidade interior levando a apresentarem queixas respiratórias alérgicas.
Abstract: Bronchial asthma and allergic rhinitis are chronic diseases common in general population, especially children and adolescents, leading to quality of life impairment and hospital admissions. Its importance in industrialized countries is growing every year and new studies to address associated risk factors are a constant research need. Indoor environmental quality has a fundamental role in facilitating new cases or symptoms deterioration associated with exposure to inadequate indoor environment conditions. Recent studies show relevant evidences that indoor humidity caused by water damage or indoor flooding events is a consistent risk factor associated to development of new cases or to clinical deterioration of asthma and rhinitis. The objective of this study was to analyze the prevalence of respiratory symptoms in scholars in Guarulhos, SP and its associations with persistent humidity proxys in their residencies among children from 6 to 7 and adolescents from 13 to 14 years old, living in locations at risk for flooding episodes. For this, a transversal epidemiologic study was performed using ISAAC questionnaire among 580 scholars from public schools, in order to access the prevalence of symptoms suggestive of asthma and rhinitis. In order to identify environmental risk factors associated with respiratory symptoms a complementary environment questionnaire was used. As main results, we found a strong association of respiratory problems with atopic background in the children s parents. The humidity proxies indicators that were positively associated with intensity of asthma attacks in children from 6 to 7 years old were water damage in the house, time of appearance of the moisture spots and presence of moldy odor. We verified a positive association of humidity proxys with medical diagnosis of allergic rhinitis in children from 6 to 7 years old, namely time to dry flooding episodes longer than 12 hours, water damage and mould spots that appeared in the last 12 months. We can conclude that children from 6 to 7 years old are more susceptible to exposure of humidity in indoor environments, demonstrating asthma symptoms and medical diagnosis of allergic rhinitis associated with exposure to indoor humidity proxies when compared to older scholars. This suggests that scholars from 6 to 7 years old are more susceptible to indoor environmental humid conditions leading to allergic respiratory conditions.
Palavras-chave: mofo
umidade
asma brônquica
rinite alérgica
estudos epidemiológicos
mould, humidity
bronquialathma
allergic rhinitis
epidemiologic studies
Área(s) do CNPq: ADMINISTRACAO::ADMINISTRACAO DE SETORES ESPECIFICOS
Idioma: por
País: BR
Instituição: Universidade Nove de Julho
Sigla da instituição: Uninove
Departamento: Administração
Programa: Programa de Mestrado Profissional em Administração - Gestão Ambiental e Sustentabilidade
Citação: PENDLOSKI, Claudete de Jesus dos Santos. Prevalence and associations of risk for asthma and rhinitis in schoolchildren in guarulhos - São Paulo. 2014. 99 f. Dissertação (Mestrado em Administração) - Universidade Nove de Julho, São Paulo, 2014.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://localhost:8080/tede/handle/tede/23
Data de defesa: 11-Jun-2014
Aparece nas coleções:Programa de Mestrado Profissional em Administração - Gestão Ambiental e Sustentabilidade

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
Claudete de Jesus dos Santos Pendloski.pdf1,58 MBAdobe PDFBaixar/Abrir Pré-Visualizar


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.