???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: http://bibliotecatede.uninove.br/handle/tede/1783
Tipo do documento: Dissertação
Título: Avaliação orofacial e efeito da terapia fotodinâmica na redução da halitose em pacientes com esclerose múltipla –ensaio clínico controlado
Título(s) alternativo(s): Orofacial evaluation and effect of photodynamic therapy in the reduction of halitosis in patients with multiple sclerosis -controlled clinical trial
Autor: Gonçalves, Marcela Leticia Leal 
Primeiro orientador: França, Cristiane Miranda
Primeiro membro da banca: França, Cristiane Miranda
Segundo membro da banca: Bussadori, Sandra Kalil
Terceiro membro da banca: Fragoso, Yára Dadalti
Resumo: A Esclerose Múltipla (EM) é doença imuno-mediada neurodegenerativa, inflamatória e para a qual não há cura. Este trabalho teve como objetivo avaliar as condições orofaciais de indivíduos com EM, incluindo a presença de Disfunção Temporomandibular (DTM) e o fluxo salivar, bem como observar se há alguma correlação ou associação entre esses fatores, além de observar a presença de halitose em pacientes com EM e verificar se o tratamento com terapia fotodinâmica antimicrobiana (aPDT) é eficaz contra esta. Foram selecionados 50 pacientes com diagnóstico de EM e em tratamento no Ambulatório de Especialidades da Faculdade de Medicina da Universidade Metropolitana de Santos (UNIMES). Os pacientes foram selecionados para a realização do instrumento NOT-S, que avalia as funções orofaciais, enquanto aguardavam as consultas e, posteriormente, 30 desses pacientes foram convidados para um retorno, no qual foi realizada a avaliação completa. Foram coletados os dados de duração da doença, grau de incapacidade, medicamento utilizado, presença DTM por meio do RDC/TDM, foi feito um teste de sialometria estimulada e a halitose foi avaliada com o aparelho OralchromaTM. Pacientes que apresentavam halitose proveniente da saburra lingual, foram submetidos a um tratamento imediato, no qual realizou-se uma raspagem lingual seguida pela aPDT. Para a realização da aPDT, o fotossensibilizador utilizado foi o azul de metileno manipulado na concentração de 0,005% (Fórmula e Ação®), associado ao laser THERAPY XT-EC® (DMC ABC Equipamentos Médicos e Odontológicos, SP, BR). Foram irradiados 6 pontos no dorso lingual com distância de 1 cm entre eles. O aparelho estava previamente calibrado com comprimento de onda de 660 nm, com energia de 9 J e potência de 100 mW, durante 90 segundos por ponto, fluência de 320 J/cm2 e irradiância de 3537 mW/cm2. Os dados foram submetidos à análise estatística descritiva. Para testar a normalidade dos dados, foi utilizado o teste Shapiro-Wilk. Os dados eram não-paramétricos (com exceção da idade), então foram representados em mediana e quartis, gráficos boxplot e gráficos de dispersão. Para avaliar a diferença estatística entre a halitose antes e depois da aPDT foi utilizado o teste de Wilcoxon. Para a correlação de variáveis numéricas, foi utilizado o coeficiente de Spearman, e para a associação das variáveis categóricas, foi utilizado o teste de Mann-Whitney. Foram consideradas diferenças estatisticamente significantes aquelas cujo p<0,05. Dentre os pacientes avaliados, o escore mediano do NOT-S foi 3, 40% apresentavam DTM, 33% dos pacientes apresentaram hipossalivação grave, 40% apresentaram hipossalivação moderada e apenas 16% apresentavam fluxo salivar normal e 86% apresentavam halitose inicial. O tratamento com raspador associado à aPDT foi eficaz na redução da halitose (p<0,0001). Houve correlação apenas entre o grau de incapacidade e a duração da doença, e associação apenas entre o resultado do NOT-S e a presença de DTM. Concluiu-se que os pacientes com EM parecem apresentar uma alta prevalência de halitose, hipossalivação moderada ou grave, DTM e halitose. O tratamento com raspador lingual associado a aPDT se mostrou eficiente na redução imediata da halitose nestes pacientes.
Abstract: Multiple sclerosis (MS) is an immuno-mediated, neurodegenerative, inflamatory disease, of unknown etiology and for which there is no cure. This work aimed to evaluate the orofacial conditions of individuals with MS, including the presence of TMD and salivary flow and observe if there is any correlation or association between these factors, in addition to observing the presence of halitosis in patients with MS, and verify if the treatment with antimicrobial photodynamic therapy (aPDT) is effective against it. We selected 50 patients with diagnosis of MS and in treatment at the Specialties Clinic School of Medicine, Universidade Metropolitana de Santos (UNIMES). Patients were selected to perform the NOT-S instrument, which assesses the orofacial functions, while awaiting consultations and later, 30 of these patients were invited for a return in which the full evaluation was performed. We collected data on duration of the disease, degree of disability, medication use, presence of Temporomandibular Disorders (TMD) through the RDC/TDM, a stimulated sialometry test was made and halitosis was assessed with the OralchromaTM device. Patients with halitosis from the tongue coating underwent immediate treatment, which held tongue scraping followed by aPDT. To perform the aPDT, the photosensitizer used was methylene blue manipulated at a concentration of 0.005% (Fórmula e Ação®) associated with the laser THERAPY XT-EC® (DMC ABC Medical Equipment, Dental, SP, BR). Six points in the tongue dorsum were irradiated with a distance of 1 cm between them. The device was calibrated with wavelength of 660 nm, with energy of 9 J and power of 100 mW for 90 seconds per point, fluency of 320 J/cm2 and irradiance of 3537 mW/cm2. Data were submitted to descriptive statistical analysis. To test the normality of the data, we used the Shapiro-Wilk test. The data were non-parametric (except for age), then were represented as medians and quartiles, boxplot graphs and scatter plots. To assess statistical difference between halitosis before and after the aPDT the Wilcoxon test was used. For the correlation of numerical variables, the Spearman coefficient was used, and for the association of categorical variables, we used the Mann-Whitney test. Statistically significant differences were those whose p <0.05. Among the patients studied, the median score of NOT-S was 3, 40% had TMD, 33% of patients had severe hyposalivation, 40% had moderate hyposalivation and only 16% had normal salivary flow and 86% had initial halitosis. Treatment with a scraper associated with aPDT was effective in reducing oral malodor (p <0.0001). There was significant correlation between the degree of disability and disease duration, and association only between the result of NOT-S and TMD. It was concluded that patients with MS seem to have a high prevalence of halitosis, moderate or severe hyposalivation, DTM and halitosis. Treatment with tongue scraper associated with aPDT proved effective in the immediate reduction in halitosis in these patients.
Palavras-chave: esclerose múltipla
transtornos da articulação temporomandibular
expressão facial
halitose
terapia fotodinâmica
multiple sclerosis
temporomandibular disorders
facial expressions
halitosis
photodynamic therapy
Área(s) do CNPq: CIENCIAS DA SAUDE
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Nove de Julho
Sigla da instituição: UNINOVE
Departamento: Saúde
Programa: Programa de Pós-Graduação em Biofotônica Aplicada às Ciências da Saúde
Citação: Gonçalves, Marcela Leticia Leal. Avaliação orofacial e efeito da terapia fotodinâmica na redução da halitose em pacientes com esclerose múltipla –ensaio clínico controlado. 2015. 80 f. Dissertação( Programa de Pós-Graduação em Biofotônica Aplicada às Ciências da Saúde) - Universidade Nove de Julho, São Paulo.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://bibliotecatede.uninove.br/handle/tede/1783
Data de defesa: 16-Dec-2015
Appears in Collections:Programa de Pós-Graduação em Biofotônica Aplicada às Ciências da Saúde

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Marcela Leticia Leal Goncalves.pdfMarcela Leticia Leal Goncalves2,15 MBAdobe PDFDownload/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.