Exportar este item: EndNote BibTex

Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://bibliotecatede.uninove.br/handle/tede/348
Tipo do documento: Dissertação
Título: A psicologia da educação na formação docente.
Autor: Vercelli, Ligia de Carvalho Abões 
Primeiro orientador: Dias, Elaine Teresinha Dal Mas
Primeiro membro da banca: Azzi, Roberta Gurgel
Segundo membro da banca: Petraglia, Izabel Cristina
Terceiro membro da banca: Queiróz, José J.
Resumo: O objetivo desta pesquisa é conhecer os sentidos que alunos em formação pedagógica atribuem aos conhecimentos da psicologia estudados na disciplina Psicologia da Educação. A investigação seguiu os moldes da pesquisa qualitativa, empregando o instrumento denominado Versões de Sentido, definido como um relato livre que não tem a pretensão de ser um registro objetivo do que ocorreu, mas uma reação viva aos acontecimentos. Pode ser escrito ou falado imediatamente após o ocorrido e consiste numa fala expressiva da experiência imediata de seu autor, frente a um encontro recémterminado. Nessa perspectiva, foi pedido aos alunos/professores que, ao final de cada encontro, escrevessem os sentidos provocados pelos conteúdos tratados na aula, como favorecem e auxiliam no fazer escolar. Esse instrumento foi aplicado junto a cinco alunos/professores enquanto cursavam Psicologia da Educação I e II. As análises dos sentidos da vivência indicam a ocorrência de quatro classes temáticas: 1) contribuições da disciplina Psicologia da Educação para a prática pedagógica, 2) pensamento e reflexão sobre o aluno adolescente, 3) reflexão e busca por uma mudança da prática pedagógica e 4) entendimento de uma visão de homem. Concluiu-se que, apesar de todos os alunos/professores concordarem que a disciplina Psicologia da Educação contribui para a prática pedagógica, não conseguiram explicar com clareza suas reais contribuições no cotidiano escolar, utilizando-se da linguagem do senso comum, o que indica uma não-apropriação desses conhecimentos. Também revelaram certa dificuldade em entender os alunos adolescentes e apontaram que estudar esse assunto é fundamental, porque trabalham com essa faixa etária. Salientaram que, ao problematizar o cotidiano, a aula torna-se mais interessante e, dessa forma, os conhecimentos teóricos aprendidos refletem na prática pedagógica. Também ressaltaram a importância de o aluno ser entendido na sua totalidade.
Abstract: The aim of this research is to know the senses that students in Pedagogical formation attribute to the studied knowledge of psychology in discipline Educational Psychology. The investigation followed the methods of qualitative research, making use of a research instrument called Version of Senses, definied as a free report that does not inted to be an objective registry about what happened, but it is a lived reaction to it. It may be written or spoken imeddiately after what occorred and it is an expreessive speech about the author s immediate experience considering a recently finished meeting. In this perspective, it was asked student/teachers that, at the end of each meeting, they should write the senses provocated by the contents treated in the class, its favourable aspects and how it could help the schooling work. This instrument was applied to five students/teachers while they took the course of Educational Psychology part I and II. The analysis of the sense of their experiences showed four themes: 1) contributions of Educational Psychology for pedagogical practices, 2) thinking and reflection about the adolecent student. 3) reflection and search for changing the pedagogical practice and 4) understanding of a manhood view.It was concluded that, though all the students/teachers agreed that the Educational Psychology subject contributes with their pedagogical practice, they did not achieve a clear explanation to its real contributions in everday routine in school, they made use of a common sense language, which indicates that did not happen a knowledge appropriation. They also showed a certain difficulty of understandig adolecent students and said that it is fundamental to study this matter because they work with people at this age. They emphasized that to reflect about the everyday classroom problems makes the class to become even more interesting and that, in this way, the theory learned brings effects to the pedagogical practice. They also emphasized how important it is to undestand each student in a whole sense.
Palavras-chave: Psicologia da educação
Formação do professor
Complexidade
Educational psychology
Teacher s formation
Complexity
Área(s) do CNPq: CIENCIAS HUMANAS::EDUCACAO
Idioma: por
País: BR
Instituição: Universidade Nove de Julho
Sigla da instituição: Uninove
Departamento: Educação
Programa: Programa de Pós-Graduação em Educação
Citação: VERCELLI, Ligia de Carvalho Abões. A psicologia da educação na formação docente.. 2007. 119 f. Dissertação (Mestrado em Educação) - Universidade Nove de Julho, São Paulo, 2007.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://localhost:8080/tede/handle/tede/348
Data de defesa: 26-Mar-2007
Aparece nas coleções:Programa de Pós-Graduação em Educação

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
B_Ligia de Carvalho Aboes Vercelli.pdf365,48 kBAdobe PDFBaixar/Abrir Pré-Visualizar


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.