Exportar este item: EndNote BibTex

Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://bibliotecatede.uninove.br/handle/tede/841
Tipo do documento: Dissertação
Título: Efeito do anabolizante decanoato de nandrolona na proliferação, adesão e diferenciação de osteoblastos.
Título(s) alternativo(s): Effect of the anabolizante decanoato of nandrolona in the proliferation, adhesion and differentiation of osteoblastos.
Autor: Silva, Tatiana Dias da
Primeiro orientador: Fernandes, Kristianne Porta Santos
Primeiro coorientador: Ferrari, Raquel Agnelli Mesquita
Primeiro membro da banca: Carvalho, Flávio Aimbire Soares de
Segundo membro da banca: Bussadori, Sandra Kalil
Resumo: A osteoporose é um importante problema de saúde pública no mundo todo. Assim, estudar fatores que possam influenciar a regeneração óssea é de fundamental importância na prevenção e recuperação clínica de pacientes idosos. Como os esteroides anabolizantes vêm sendo indicados nestes quadros, o objetivo desse trabalho foi avaliar in vitro o efeito do anabolizante esteróide decanoato de nandrolona nas concentrações de 5, 10, 25 e 50M sobre a proliferação, adesão e diferenciação de osteoblastos (linhagem OSTEO-1). Para a análise da proliferação celular, foram realizadas curvas de crescimento após 24, 48 e 72 horas de cultivo utilizando o método MTT. A avaliação do efeito do anabolizante sobre a adesão celular foi realizada pelo mesmo método após 20, 40 e 60 minutos do plaqueamento. Já a avaliação da diferenciação celular foi realizada por meio da mensuração da concentração da enzima fosfatase alcalina em lisados de culturas celulares, utilizando um kit comercial específico, após 72 horas de cultivo. Culturas não tratadas serviram como controle. Para cada condição experimental, foram realizados 3 experimentos em quadruplicata e os resultados foram submetidos à análise estatística, utilizando ANOVA/Tukey (p  0,05). Os resultados demonstraram que após 72 horas de cultivo, houve diminuição estatisticamente significante na proliferação de osteoblastos tratados com nandrolona 50M, porém este mesmo grupo demonstrou um aumento estatisticamente significante na diferenciação celular em comparação ao grupo controle. Já com relação à adesão celular, houve aumento estatisticamente significante nos grupos que receberam anabolizante na concentração de 25M após 40 e 60 minutos de incubação. Embora o tratamento com anabolizante na dosagem de 50M tenha demonstrado favorecer a diferenciação dos osteoblastos, esta mesma dosagem não aumentou a adesão celular. Assim, há necessidade de continuar avaliando o efeito do decanoato de nandrolona no tecido ósseo, utilizando modelos in vitro e in vivo a fim de estabelecer a adequação de seu uso e de sua dosagem na prevenção e tratamento da osteoporose.
Abstract: Osteoporosis is an important public health problem worldwide. The study of factors that may influence bone regeneration is of fundamental importance in the prevention of osteoporosis and clinical rehabilitation of elderly patients. Because anabolic steroids have been indicated for the treatment of such cases, the objective of this study was to evaluate the in vitro effects of the anabolic steroid nandrolone decanoate at concentrations of 5, 10, 25, and 50 M on the proliferation, adhesion and differentiation of osteoblasts (osteo-1 cell line). For the analysis of cell proliferation, growth curves were obtained after 24, 48 and 72 hours of culture using the MTT method. This same method was used to evaluate the effects of the anabolic steroid on cell adhesion 20, 40 and 60 minutes after plating. However, cell differentiation was evaluated by measuring alkaline phosphatase enzyme concentration in lysed cells after 72 hours of culture, using a specific commercial kit. Untreated cultures were used as controls. For each experimental condition, 3 experiments were performed in quadruplicate. Experimental data were statistically analyzed using analysis of variance (ANOVA) followed by Tukey s post-hoc multiple comparison test (p  0.05). The results showed that there was a significant decrease in the proliferation of osteoblasts treated with 50 M nandrolone decanoate after 72 hours of culture; however, cell differentiation increased significantly in this group compared with the control group. Also, a significant increase in cell adhesion was found in the groups treated with 25 M nandrolone decanoate after 40 and 60 minutes of incubation. It was observed that the treatment with anabolic steroid at a concentration of 50 M increased osteoblast differentiation, but not cell differentiation. Therefore, further studies on the effects of nandrolone decanoate on bone tissue using in vivo and in vitro models are necessary to determine its appropriate use and dosage in the prevention and treatment of osteoporosis.
Palavras-chave: osteoblastos
nandrolona
proliferação celular
adesão celular
diferenciação celular
fosfatase alcalina.
osteoblasts
nandrolone
cell proliferation
cell adhesion
cell differentiation
alkaline phosphatase.
Área(s) do CNPq: CIENCIAS DA SAUDE
Idioma: por
País: BR
Instituição: Universidade Nove de Julho
Sigla da instituição: UNINOVE
Departamento: Saúde
Programa: Programa de Pós-Graduação em Ciências da Reabilitação
Citação: SILVA, Tatiana Dias da. Effect of the anabolizante decanoato of nandrolona in the proliferation, adhesion and differentiation of osteoblastos.. 2010. 46 f. Dissertação (Mestrado em Saúde) - Universidade Nove de Julho, São Paulo, 2010.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://localhost:8080/tede/handle/tede/841
Data de defesa: 16-Dez-2010
Aparece nas coleções:Programa de Pós-Graduação em Ciências da Reabilitação

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
B_Tatiana Dias da Silva.pdf539,53 kBAdobe PDFBaixar/Abrir Pré-Visualizar


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.