???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: http://bibliotecatede.uninove.br/handle/tede/1811
Tipo do documento: Dissertação
Título: O efeito da toxina botulínica tipo A sobre a espasticidade e funcionalidade da criança com paralisia cerebral espástica
Título(s) alternativo(s): The effect of type A toxin on spasticity and functionality on children with spastic cerebral palsy
Autor: Souza, Maria Eliege de 
Primeiro orientador: Politti, Fabiano
Primeiro coorientador: Oliveira, Claudia Santos
Primeiro membro da banca: Politti, Fabiano
Segundo membro da banca: Correa, Fernanda Ishida
Terceiro membro da banca: Monteiro, Carlos Bandeira de Melo
Resumo: A Paralisia Cerebral (PC) é caracterizada por um grupo não progressivo de desordens do desenvolvimento e postura decorrentes de uma malformação ou lesão cerebral. Como tratamento, destacam-se abordagens terapêuticas que visam normalizar o tônus muscular e prevenir alteração na relação entre o crescimento ósseo e o muscular, que podem provocar posturas inadequadas e deformidades estruturadas. Dessa maneira, o objetivo desse estudo foi verificar os efeitos da toxina botulínica tipo A (TB-A) sobre a espasticidade e funcionalidade da criança com PC espástica. Esse foi um estudo prospectivo, controlado, randomizado, constituído por 24 crianças (idade entre 5 e 12 anos) com PC espástica, distribuídas em dois grupos sendo: Grupo experimental (GE) constituído com 12 pacientes (idade média 7,83  2,07 anos) tratadas com toxina TB-A e fisioterapia e Grupo controle (GC) sendo 12 pacientes (idade média 8,50  2,17 anos) tratados somente com fisioterapia. Todos os participantes foram avaliados por meio de escalas motoras e funcionais (GMFCS, GMFM-88, Ashworth, escala de equilíbrio de BERG, Time up and go –TUG e o Inventário de Avaliação Pediátrica de Disfunções - PEDI) em três momentos distintos: antes do tratamento, 30 dias e 3 meses após o tratamento proposto. Por meio da análise de variância (ANOVA) para medidas repetidas foi possível observar diferenças significativas (p < 0,001) entre os grupos (grupos vs tratamento) para os dados obtidos na escala de GMFCS, GMFM-88, BERG, TUG, Ashworth e PEDI, sendo observada melhora funcional somente para o grupo GE. Nesse estudo foi possível concluir que o uso da TB-A proporciona uma melhora significativa sobre a espasticidade e funcionalidade da criança com PC espástica, em um período de até 3 meses após sua aplicação.
Abstract: The cerebral palsy (CP) is characterized by a group of non progressive disorders of the brain’s development and posture caused by a malformation or brain injury. As treatment , there are therapeutic approaches aimed at normalizing muscle tone and prevent change in the relation between bone growth and muscle, that can lead to poor posture and structured deformities. The aim this study was to investigate the effects of botulinum toxin type A (TB-A) for spasticity and functionality in spastic CP childrem. This was a prospective, controlled, randomized, consisting of 24 children (aged 5 to 12 years) with spastic CP, being divided into two groups: experimental group (EG) consisting of 12 patients (mean age 7.83 ± 2, 07 years) treated with TB-A toxin and physiotherapy and control group (CG) with 12 patients (mean age 8.50 ± 2.17 years) treated only with physical therapy. All participants were assessed through motor and functional scales (GMFCS, GMFM-88, Ashworth, Berg Balance Scale, Time up and go -TUG and Inventory Assessment Pediatric Disorders - ASK) at three different times: before treatment, 30 days and 3 months after the treatment proposed. By analysis of variance (ANOVA) for repeated measures it was observed significant differences (p < 0.001) between groups (groups vs treatment) to the data obtained in the GMFCS, GMFM-88, BERG, TUG, Ashworth and ASK, being observed functional improvement only for the GE group. In this study it was concluded that the use of TB-A provides a significant improvement on spasticity and child functionality with spastic CP, over a period of up to 3 months after application.
Palavras-chave: paralisia cerebral
funcionalidade
toxina botulínica A
fisioterapia
cerebral palsy
functionality
physiotherapy
botulinum toxin type A
Área(s) do CNPq: CIENCIAS DA SAUDE
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Nove de Julho
Sigla da instituição: UNINOVE
Departamento: Saúde
Programa: Programa de Pós-Graduação em Ciências da Reabilitação
Citação: Souza, Maria Eliege de. O efeito da toxina botulínica tipo A sobre a espasticidade e funcionalidade da criança com paralisia cerebral espástica. 2015. 85 f. Dissertação( Programa de Pós-Graduação em Ciências da Reabilitação) - Universidade Nove de Julho, São Paulo.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://bibliotecatede.uninove.br/handle/tede/1811
Data de defesa: 14-Dec-2015
Appears in Collections:Programa de Pós-Graduação em Ciências da Reabilitação

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Maria Eliege de Souza.pdfMaria Eliege de Souza1,25 MBAdobe PDFDownload/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.