Exportar este item: EndNote BibTex

Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://bibliotecatede.uninove.br/handle/tede/448
Tipo do documento: Dissertação
Título: Fracasso escolar e queixa do professor: uma relação a ser investigada.
Autor: Caroni, Regina Aparecida Loureiro 
Primeiro orientador: Dias, Elaine Teresinha Dal Mas
Primeiro membro da banca: Almeida, Cleide Rita Silvério de
Segundo membro da banca: Alves, Leila Maria
Resumo: As queixas escolares e pedidos de encaminhamento para avaliação psicológica e/ou outros profissionais da saúde são realizados a partir da identificação de alunos que apresentam dificuldade de aprendizagem. Este trabalho se propôs a identificar, no discurso do professor, percepções e/ou representações que possam interferir no processo de aquisição da escrita, em virtude de estereótipos e/ou preconceitos relacionados à subjetividade docente. Estuda a relação entre queixa e fracasso escolar, buscando verificar se a compreensão que o professor alfabetizador tem do aluno, antecipada pelos registros das sondagens sobre as hipóteses de escrita, interfere na alfabetização. Foram realizadas duas entrevistas semidiretivas com sete professores regentes de classes de 1ª série do Ciclo I do Ensino Fundamental, em uma escola pública da rede estadual, em um município da Grande São Paulo. A partir da análise de conteúdo das entrevistas gravadas e transcritas pôde-se estabelecer as categorias temáticas, cuja análise possibilitou buscar o discurso subjacente ao expresso no relato dos educadores. As questões levantadas foram analisadas à luz da Teoria da Complexidade formulada por Edgar Morin, levando em conta as noções de sujeito e subjetividade, bem como os operadores da complexidade: os princípios dialógico, hologramático e recursivo. Pensar a educação numa perspectiva complexa significa trabalhar em uma ótica de construção de conhecimento que supõe o estabelecimento de interrelações, de problematização e de investigação das relações que se estabelecem no decorrer do processo de aprendizagem. Verifica-se que muitas crianças na escola são antecipadamente estigmatizadas, em virtude de estereótipos e/ou preconceitos relacionados à subjetividade e representação dos professores.
Abstract: The school problems and requests for psychological evaluation and other health professionals are accomplished through the identification of students who have any kind of difficulty learning. This study aimed to identify in the teachers discourse perceptions or representations that may affect the process of literacy acquisition, due to stereotypes or prejudice related to teacher s subjectivity. This research studies the relationship between claims and school failure, trying to verify whether the understanding that the teacher has about the student s literacy, early viewed by the records of surveys on the chances of writing, interferes in literacy itself. There were two interviews with seven basic teachers of the first cycle of basic education in a public school, in a city of São Paulo. From the analysis of interviews recorded and transcribed, it could be stablished the categories of subjects, whose analysis brought up the possibility of seeking the underlying discourse expressed in the educators reports. The issues raised were considered based on the Theory of Complexity formulated by Edgar Morin, which take into account the notions of subject and subjectivity, as well as operators of complexity: the dialogic, holographics and recursive principles. To think about education in a complex perspective means working in a complex view of knowledge construction that involves the stablishment of the relations occured during the learning process. It was verified that many students are stigmatized in advance because of stereotypes or prejudices related to subjectivity and representation of the teachers.
Palavras-chave: Complexidade
Subjetividade
Fracasso escolar
Complexity
Subjectivity
School failure.
Área(s) do CNPq: CIENCIAS HUMANAS::EDUCACAO
Idioma: por
País: BR
Instituição: Universidade Nove de Julho
Sigla da instituição: Uninove
Departamento: Educação
Programa: Programa de Pós-Graduação em Educação
Citação: CARONI, Regina Aparecida Loureiro. Fracasso escolar e queixa do professor: uma relação a ser investigada.. 2011. 132 f. Dissertação (Mestrado em Educação) - Universidade Nove de Julho, São Paulo, 2011.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://localhost:8080/tede/handle/tede/448
Data de defesa: 31-Jan-2011
Aparece nas coleções:Programa de Pós-Graduação em Educação

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
B_Regina Aparecida Loureiro Caroni.pdf450,56 kBAdobe PDFBaixar/Abrir Pré-Visualizar


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.