???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: http://bibliotecatede.uninove.br/handle/tede/1761
Tipo do documento: Dissertação
Título: Experiência escolar Kariri-Xocó: discriminação e preconceito
Título(s) alternativo(s): Experiencia académica Kariri-Xocó: discriminación y prejuicio
Autor: Poço, Claudinei de Aro
Primeiro orientador: Dias, Elaine Teresinha Dal Mas
Primeiro membro da banca: Dias, Elaine Teresinha Dal Mas
Segundo membro da banca: Rangel, Lúcia Helena Vitalli
Terceiro membro da banca: Almeida, Cleide Rita Silvério de
Quarto membro da banca: Kim, Leila
Quinto membro da banca: Souza Neto, João Clemente de
Resumo: A presente pesquisa apresenta como objeto de estudo a educação escolar dos indígenas Kariri- Xocó e tem como objetivos conhecer suas experiências escolares, revelando possíveis eventos/ações de violências concreta ou simbólica. Parte-se da hipótese de que os sujeitos entrevistados sofreram discriminação e preconceito durante a escolarização. Esta pesquisa foi realizada por meio de abordagem qualitativa, empregando-se entrevistas abertas e de aprofundamento a sete indígenas, sendo seis homens e uma mulher, que residem no estado de São Paulo. Como referencial teórico, esta investigação apresenta o pensamento complexo, abordando a noção de sujeito, subjetividade, operadores da complexidade, a compreensão humana, complexos imaginários, tetragrama organizacional e ecologia da ação. As análises dos depoimentos evidenciaram condições subalternas e precárias de sobrevivência em paralelo ao prosseguimento de seus estudos. Elas também mostraram elementos comuns que apareceram nas narrativas dos entrevistados e que permitiram refletir sobre a necessidade de repensar as políticas públicas e os órgãos que são responsáveis pelos seus direitos legais. As análises também possibilitaram a compreensão de seus modos de vida e sua educação escolar, que apresenta como instrumento pedagógico a oralidade. Constatou-se nas entrevistas que esses indígenas ainda são discriminados sob o olhar das demais coletividades, os quais descreveram que na atualidade há movimentos de resistência contra-hegemônica na luta por terras e demarcação, pelos quais reivindicam espaço na sociedade, sendo uma de suas preocupações, além de confirmar que os Kariri-Xocó desejam preservar suas heranças culturais, mantendo costumes e tradições que foram silenciados ao longo de cinco séculos. Os depoimentos dos sujeitos trazem reflexões no que diz respeito à escolarização, revelando que há um descaso por parte de seus tutores legais quanto às suas questões, que não exercem muitas vezes o que promulga a lei, favorecendo os brancos. Isso pressupõe a realização de futuras pesquisas e abordagens de outros Kariri-Xocó, com o propósito de ampliar o universo e as ações que se firmam no que concerne às populações indígenas.
Abstract: The present research presents as an object of study the school education of the Kariri-Xocó indigenous and aims to know their school experiences, revealing possible events / actions of concrete or symbolic violences. It is based on the hypothesis that the interviewed subjects suffered discrimination and prejudice during schooling. This research was carried out through a qualitative approach, employing open and deepening interviews with seven indigenous people, six men and one woman, who live in the state of São Paulo. As a theoretical reference, this research presents the complex thinking, approaching the notion of subject, subjectivity, complexity operators, human comprehension, imaginary complexes, organizational tetragram and action ecology. The analysis of the testimonies revealed subaltern and precarious conditions of survival in parallel to the continuation of their studies. Besides that, they also showed common elements that appeared in the narratives of the interviewees, which allowed reflecting on the need to rethink the public policies and the organs that are responsible for their legal right. The mentioned analysis also made possible the understanding of their ways of life and their school education, which presents orally as pedagogical instrument. It was found in the interviews that these indigenous people are still discriminated by other collectivities, which have described that currently there are movements of counter-hegemonic resistance in the struggle for land and demarcation, for which they claim space in society, being one of their concerns. In addition to confirming that, the Kariri-Xocó indigenous wish to preserve their cultural heritages while maintaining customs and traditions that have been silenced for five centuries. The testimonies of the subjects bring reflections regarding schooling, revealing that the legal guardians neglected those questions who do not respect the law and favor the white community. This presupposes the realization of future researches and approaches with other Kariri-Xocó people, aiming to expand the universe and the actions regarding to the indigenous populations.
La presente investigación presenta como objeto de estudio la educación escolar de los indígenas Kariri-Xocó y tiene como objetivos conocer sus experiencias escolares, revelando posibles eventos / acciones de violencias concreta o simbólica. Se parte de la hipótesis de que los sujetos entrevistados sufrieron discriminación y preconcepto durante la escolarización. Esta investigación fue realizada por medio de abordaje cualitativo, empleando entrevistas abiertas y de profundización a siete indígenas, siendo seis hombres y una mujer, que residen en el estado de São Paulo. Como referencial teórico, esta investigación presenta el pensamiento complejo, abordando la noción de sujeto, subjetividad, operadores de la complejidad, la comprensión humana, complejos imaginarios, tetragrama organizacional y ecología de la acción. Los análisis de los testimonios evidenciaron condiciones subalternas y precarias de supervivencia en paralelo a la continuación de sus estudios. Además de esto, ellas también mostraron elementos comunes que aparecieron en las narrativas de los entrevistados y que permitieron reflexionar sobre la necesidad de repensar las políticas públicas y los órganos que son responsables de sus derechos legales. Los análisis también posibilitaran la comprensión de sus modos de vida y su educación escolar, que presenta como instrumento pedagógico la oralidad. Se constató en las entrevistas que esos indígenas aún son discriminados bajo la mirada de las demás colectividades, los cuales describieron que en la actualidad hay movimientos de resistencia contrahegemónica en la lucha por tierras y demarcación, por los cuales reivindican espacio en la sociedad, siendo una de sus preocupaciones. Además de confirmar que los Kariri-Xocó desean preservar sus herencias culturales, manteniendo costumbres y tradiciones que fueron silenciadas a lo largo de cinco siglos. Los testimonios de los sujetos traen reflexiones en lo que se refiere a la escolarización, revelando que hay un descuido por parte de sus tutores legales en cuanto a sus cuestiones, que no ejercen muchas veces lo que promulga la ley, favoreciendo a los blancos. Esto presupone la realización de futuras investigaciones y abordajes de otros Kariri-Xocó, con el propósito de ampliar el universo y las acciones que se firman en lo que concierne a las poblaciones indígenas.
Palavras-chave: Kariri-Xocó
educação escolar indígena
discriminação
preconceito
subjetividade
Kariri-Xocó
indigenous school education
discrimination
prejudice
subjectivity
Kariri-Xocó
educación escolar indígena
discriminación
prejuicio
subjetividad
Área(s) do CNPq: CIENCIAS HUMANAS::EDUCACAO
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Nove de Julho
Sigla da instituição: UNINOVE
Departamento: Educação
Programa: Programa de Pós-Graduação em Educação
Citação: Poço, Claudinei de Aro. Experiência escolar Kariri-Xocó: discriminação e preconceito. 2018. 184 f. Dissertação( Programa de Pós-Graduação em Educação) - Universidade Nove de Julho, São Paulo.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://bibliotecatede.uninove.br/handle/tede/1761
Data de defesa: 22-Mar-2018
Appears in Collections:Programa de Pós-Graduação em Educação

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Claudinei de Aro Poco.pdfClaudinei de Aro Poço7,11 MBAdobe PDFDownload/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.