Exportar este item: EndNote BibTex

Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://bibliotecatede.uninove.br/handle/tede/1863
Tipo do documento: Dissertação
Título: Saberes e fazeres docentes em arte visual na educação infantil
Título(s) alternativo(s): Teachers knowledge and practice in visual art primary school
Autor: Veronesi, Valquiria Bertuzzi 
Primeiro orientador: Severino, Francisca Eleodora Santos
Primeiro membro da banca: Severino, Francisca Eleodora Santos
Segundo membro da banca: Todaro, Mônica de Ávila
Terceiro membro da banca: Fusaro, Márcia
Quarto membro da banca: André, Carminda Mendes
Quinto membro da banca: Haddad, Ana Maria
Resumo: Pesquisa-intervenção de natureza qualitativa tem por objeto os saberes e fazeres de um grupo de professoras de Educação Infantil em relação à Arte Visual. Como objetivo geral busca identificar os conhecimentos e as práticas dessas professoras em suas propostas em Arte com crianças pequenas. Como objetivos específicos visa analisar possibilidades de construção de conhecimento em Arte Visual na formação permanente e em serviço das professoras e compreender como o conhecimento construído nesse espaço se desdobra nas práticas com crianças de 4 e 5 anos. A pesquisa realizada com 7 professoras e a Assistente Pedagógica (AP) efetivou-se em uma Escola Municipal de Educação Infantil e Ensino Fundamental (EMEIEF), da rede de Santo André, denominada por nós: EMEIEF Caleidoscópio. Teve como procedimento metodológico a coleta de dados mediante: ficha de caracterização; questionários; Encontros Formativos, audiogravados e transcritos; registros fotográficos das produções das professoras e das crianças e leitura e análise do Projeto Político Pedagógico e planejamentos. A Análise de Conteúdo proposta por Bardin (2016) foi utilizada para análise dos dados. O referencial teórico foi organizado da seguinte forma: para o resgate histórico do Ensino da Arte no Brasil e seus fundamentos nos sustentamos em Ana Mae Barbosa (2002, 2008, 2012) e outros estudiosos da História da Educação. Em relação à Arte na interface com a cultura da infância contamos com Ana Lúcia Goulart de Faria (2002, 2013, 2015) e a legislação brasileira; Vigotski (1998, 1999, 2001) traz contribuições para a compreensão do desenvolvimento infantil e a Arte; Paulo Freire (1982, 1987, 1992, 1996, 1997, 2001, 2005) e Tardif (2002, 2006) nos remetem a importantes reflexões sobre a consciência da profissão professor, visando ressaltar fundamentos essenciais da docência, formação e seus desafios. Como resultados, constatamos que as práticas e discursos das professoras são reflexos de seus percursos pessoais e profissionais. A consciência da fragilidade em suas formações é sinalizada por elas, sobretudo quando requisitam formação permanente. Palavras-chave: Arte visual, Educação Infantil, Formação permanente de professores, Práticas
Abstract: A qualitative nature conducted research focused on the knowledge and practices related to Visual Art of a group of Early Childhood Education teachers. As general purpose attempts to identify the knowledge and practices of those teachers proposal for small children in Art. As specific purposes, to analyze possibilities in Visual Art knowledge construction in permanent and inservice teachers training and to understand how the knowledge built in this space unfolds in the practices with children from 4 -5 years of age. Carried out with 7 teachers and the Pedagogical Assistant (AP) the research took place in a Municipal Early Childhood Education and Elementary School (EMEIEF), in Santo André, named by us: EMEIEF Kaleidoscope. A data collection, as methodological procedure, from characterization forms; questionnaires; formative meetings; recorded and transcribed meetings; photographic records of teachers and children production; reading and analysis of the Pedagogical Political Project and plannings. The Content Analysis proposed by Bardin (2016) was used to analyze the data. The theoretical reference was organized as follows: for the historical rescue of the Teaching of Art in Brazil and its foundations we hold ourselves in Ana Mae Barbosa (2002, 2008, 2012) and other scholars of the History of Education. In relation to Art in the interface with the culture of childhood we count on Ana Lúcia Goulart de Faria (2002, 2013, 2015) and the Brazilian legislation; Vygotsky (1998, 1999, 2001) brings contributions to the understanding of children's development and Art; Paulo Freire (1982, 1987, 1992, 1996, 1997, 2001, 2005) and Tardif (2002, 2006) refer us to important reflections on the conscience of the teacher profession, viewing to highlight essential basis of teaching, training and its challenges. As a result we find that the practices and discourses of teachers are reflections of their personal and professional paths. The consciousness of the fragility in their formations is signaled by them, especially when they demand permanent formation.
Palavras-chave: arte visual,
educação infantil
formação permanente de professores
práticas educativas
visual art
early childhood education
permanent teachers training
educational practices
Área(s) do CNPq: CIENCIAS HUMANAS::EDUCACAO
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Nove de Julho
Sigla da instituição: UNINOVE
Departamento: Educação
Programa: Programa de Mestrado em Gestão e Práticas Educacionais
Citação: Veronesi, Valquiria Bertuzzi. Saberes e fazeres docentes em arte visual na educação infantil. 2017. 187 f. Dissertação( Programa de Mestrado em Gestão e Práticas Educacionais) - Universidade Nove de Julho, São Paulo.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://bibliotecatede.uninove.br/handle/tede/1863
Data de defesa: 11-Dez-2017
Aparece nas coleções:Programa de Mestrado em Gestão e Práticas Educacionais

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Valdquíria Bertuzzi.pdfValdquíria Bertuzzi2,78 MBAdobe PDFBaixar/Abrir Pré-Visualizar


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.