Exportar este item: EndNote BibTex

Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://bibliotecatede.uninove.br/handle/tede/359
Tipo do documento: Dissertação
Título: Resistência e apropriação: professores de História e a reforma de ensino médio.
Título(s) alternativo(s): Resistance and appropriation: History teachers and school reform.
Autor: Pereira, Ladenilson José 
Primeiro orientador: Carvalho, Celso do Prado Ferraz de
Primeiro membro da banca: Prado, João do
Segundo membro da banca: Russo, Miguel Henrique
Resumo: Esta pesquisa pretendeu compreender como as reformas educacionais para o Ensino Médio, expressas nos Parâmetros Curriculares Nacionais e nas Diretrizes Curriculares Nacionais para o Ensino Médio se concretizam nas escolas públicas estaduais paulistas. O problema investigado pode ser apresentado da seguinte forma: As escolas paulistas de ensino médio concretizam as propostas contidas nos Parâmetros Curriculares Nacionais para o Ensino Médio (PCNEM) como conceitos como a centralidade do conhecimento, a pedagogia das competências e do aprender a aprender e a educação de qualidade? Se o fazem, como tais questões se apresentam na cotidianidade do trabalho educativo desenvolvido na instituição escolar? Verificou-se se as orientações /recomendações presentes nas Diretrizes Curriculares Nacionais (DCN) e nos Parâmetros Curriculares Nacionais (PCN) para o Ensino Médio foram responsáveis por modificações na organização e concretização do trabalho educativo; se tais recomendações implicaram em modificações nos planos de ensino, nos procedimentos de avaliação, nos diários de classe e na organização das aulas; como tais recomendações se expressaram nos encontros de HTPC entre professores e coordenadores pedagógicos e; como tais recomendações se materializaram no projeto político pedagógico de uma unidade escolar.
Abstract: This research intended to understand how the Educational Alterations for High School Education, seen in the Parâmetros Curriculares Nacionais (National Syllabus Standard) as well as in the Diretrizes Curriculares Nacionais (National Education Directions) for high school education, are experienced in public schools in Sao Paulo. The research may be presented as follows: Do the high schools in SaoPaulo use the proposals included in the Parâmetros Curriculares Nacionais para o Ensino Médio (PCNEM) as concepts such as centralization and knowledge, the pedagogy of competency and the pedadogy of learn how to learn and quality education? If so, how such matters are seen and showed in the day by day of schools? It was noticed if the orientations?recommendations observed in the Diretrizes Curriculares Nacionais (DCN) and in Parâmetros Curriculares Nacionais para o Ensino Médio (PCNEM) , were responsible for changes in organization or accomplishment of educational work, if such recommendations really brought some changes in different levels of education, evaluation procedures, in the organization of classes, class books, how these recommendations happen during HTPC among teachers and coordinators and finally how such recommendations materialize themselves in the Pedagogical Political Project of a School.
Palavras-chave: Reformas da Educação
Cultura, Prática
Cotidiano Escolar
Educational Alterations
Culture
Practice
School quotidian
Área(s) do CNPq: CIENCIAS HUMANAS::EDUCACAO
Idioma: por
País: BR
Instituição: Universidade Nove de Julho
Sigla da instituição: Uninove
Departamento: Educação
Programa: Programa de Pós-Graduação em Educação
Citação: PEREIRA, Ladenilson José. Resistance and appropriation: History teachers and school reform.. 2007. 116 f. Dissertação (Mestrado em Educação) - Universidade Nove de Julho, São Paulo, 2007.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://localhost:8080/tede/handle/tede/359
Data de defesa: 20-Dez-2007
Aparece nas coleções:Programa de Pós-Graduação em Educação

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
B_Ladenilson Jose Pereira.pdf565,41 kBAdobe PDFBaixar/Abrir Pré-Visualizar


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.